Quem Somos

Quem Somos

Nossa História

A ECO – Escola de Educação Comunitária – foi fundada em 29 de setembro de 1976. Suas raízes encontram-se em Vila Isabel, quando a Profª. Iglaê e o Prof. Abelardo, em 1966, reuniram sua primeira turma (menos de 20 alunos) numa casa alugada na Rua Visconde de Santa Isabel. Transferiram-se para a Rua Silva Pinto, já com a colaboração competente e responsável da Profª. Maria Helena, depois para a Rua Major Barros, todas em Vila Isabel, e finalmente para a Rua Grajaú, nº 211, quando a ECO renasceu com todo o vigor.

A ECO oferece ensinos do 1º ano do Fundamental à 3ª série do Ensino Médio.

A ECO tem como filosofia de educação refletir, explicar e aprofundar sua mentalidade democrática, social e disciplinadora, a fim de formar uma juventude livre e de princípios patrióticos, sempre compatíveis com o mundo do qual faz parte.

ECO = entidade que propaga o ensinamento.

ECO do grego oîkos = casa, hábitat…

Escola de Educação Comunitária – ECO: “casa” que, por ser humanista em sua essência, valoriza a comunidade.

Missão

A ECO se propõe a buscar a formação de um cidadão que interaja junto ao Homem, em conformidade com as aspirações da sociedade, e a criar condições para que o aluno: desenvolva a sua capacidade de raciocínio; enriqueça seu poder de argumentação; use a expressão oral e escrita de forma clara, concisa e correta; esteja preparado para a Educação Superior; desenvolva o seu potencial de liderança; resolva os conflitos de opinião, visando o consenso; empenhe-se por ações construtivas contra o racismo e a desigualdade social e respeite posturas políticas e credos religiosos.

Valores

A ECO preconiza os valores:
• Ético-políticos – baseiam-se na competência, na argumentação sólida e no respeito por si mesmo e pelo próximo;

• Conhecimento – os fundamentos ético-políticos vão trabalhar a questão do conhecimento e vão sustentar as relações professor-aluno-conhecimento, ressaltando a importância da interpretação e da significação que o homem dá ao mundo;

• Didático-Pedagógicos – mostra a relação professor-aluno-conhecimento: o professor estuda, transmite e troca o conhecimento com o aluno e torna-se o catalisador, o dinamizador, o mediador do processo de construção produzido pelo aluno; o professor fica presente, é o apoio atento, mas não entra no processo em que o aluno interage com o conhecimento.

location_on

Av. Engenheiro Richard, 116 - Complemento Rua Mearim, 147 e Rua Itabaiana, 125 - Grajaú Rio de Janeiro - RJ, 20561-096

phone_android